Bancos, Dinheiros e afins

Mais de dois meses depois, cá estou eu novamente. Desculpem-me, queridos leitores amigos, mas os últimos meses foram uma mistura de muitas coisas acontecendo e, consequentemente, me ocupando.
E preguiça. A sinceridade é tudo nessa vida, né.

Ontem tivemos a primeira neve da estação. Foi tão lindinha e singela que até me fez esquecer da merda que é quando ela cai em grande quantidade. Foi mágico também porque eu estava quentinha dentro de casa assistindo pela janela e não tinha que sair de casa pra nada 🙂 foi perfeito.

Bom, vamos ao que intere$$a.

Sempre me perguntam sobre dinheiro em geral. Se você quem saber sobre o custo de vida, se o salário que você vai receber dá pra viver, leia esse post. Tem esse também sobre supermercados e tal. Aqui vou falar sobre money mesmo, a bufunfa propriamente dita.

Espero que, a essa altura, você já saiba que a moeda aqui não é o Euro, e sim a Coroa Tcheca. Quando chegamos aqui, há mais de um ano, a conversão era de 10:1 (10 coroas = 1 real). Mas o real não anda muito bem das pernas então essa conversão caiu bastante, e está na média dos 6:1, o que dificulta bastante na hora de fazer contas de cabeça, principalmente pra quem é burrica na matemática como eu.

A Coroa Tcheca tem essas notas e moedas:

coroas

Nem me pergunte quem são essas pessoas. Vai dizer que você sabe quem são as pessoas do Real? Ah vá.

CZK-coins-Czech-Koruna

50 coroas = 7 reais. Não é 50 centavos de coroa, não tem centavos aqui.

São valores altos pra quem está acostumado com Reais. É meio difícil de acostumar no começo (“3000 coroas é muito ou pouco?”) mas é só questão de costume mesmo.

 

É praticamente impossível converter Reais em Coroas no Brasil. Tem que converter pra Euros (ou dólares, depende do quanto você quer sofrer), e fazer a troca chegando aqui. É meio ruim fazer isso porque você acaba perdendo dinheiro (comissões, taxas, impostos) na primeira conversão e depois paga de novo aqui. Mas a boa notícia é: não precisa converter no aeroporto, onde tudo é mais caro e cheio de taxas. Chegando na cidade tem várias (váááárias!) lojas de câmbio que pertencem aos árabes cheios da grana, onde eles não cobram nenhuma comissão e a taxa de conversão é muito boa. Então se você chega no aeroporto em Praga ou Viena com euros, pode usá-los pra pagar alguma coisa por lá e deixar pra  fazer a troca por coroas tranquilamente no centro de Brno, sem ser “roubado”.

Euros são bem aceitos, no geral, no país todo. Mas a conversão de um estabelecimento não vai ser das melhores, por isso é sempre bom ter a moeda local.

Bem, aí você chegou com seus euros, que viraram agora milhares de coroas, e precisa guardar esse dinheiro. Você é livre pra escolher o banco que quiser, porém alguns bancos têm restrições em relação à estrangeiros, então você não é tão livre assim, hehehe. Vai depender do tipo de visto que você tem.

Se você for cidadão de qualquer país da Europa, pode abrir conta em qualquer banco. Se você for residente temporário de curta duração (até 6 meses), já encontra restrições. Se você fore residente temporário de longa duração (a partir de 6 meses), que é o caso dos estrangeiros que se mudam pra cá à trabalho, seu leque de opções aumenta, mas mesmo assim há bancos que só abrem conta para quem é cidadão da União Europeia.

Tem alguns bancos que são tipo “no frills”, ou seja, só têm o básico dos básicos e portanto as taxas são mínimas ou inexistentes. É pra abrir uma conta e ter um cartão de débito e só. São eles:

– Equa Bank
– Air Bank
– UniCredit (não tenho certeza sobre esse, e se tem outros, postei aqui os que eu conheço)

E aí tem os bancos maiores e que tem pacotes completos de conta corrente, e que, obviamente, cobram por isso. São eles:

  • Raifeissen Bank
  • KB
  • Ceska Sporitelna
  • CSOB
  • GE Money

A maioria dos Brasileiros que chegam aqui pra trabalhar, já pensam no Citi Bank, por ser um banco internacional e com presença no Brasil. Infelizmente o Citi “fechou” aqui na Rep. Tcheca. Os serviços do Citi Bank foram comprados pelo banco alemão Raifeissen Bank, que tem grande presença por aqui. Chegamos a abrir conta no Citi assim que chegamos mas fechamos em seguida porque, apesar de você se sentir importante com o gerente indo no seu trabalho de terno e pastinha na mão pra buscar seus documentos e abrir a conta, as tarifas eram altas e as contas sem benefício algum.

Pra quem vem trabalhar aqui, minha dica é: abra conta no Raifeissen Bank. Não estou recebendo do banco pra fazer propaganda (quem dera! haha), mas realmente eu recomendo o RB. E digo o porquê: pra quem vem trabalhar na IBM, as vantagens da conta completa deles são várias:

  • Receber o salário no dia 10. Quem tem conta em outros bancos pode chegar a receber até dois dia depois.
  • Eles tem um aplicativo excelente pra celular, eu faço absolutamente tudo por ele: pago aluguel, contas, transferências, saldo e pagamento do cartão de crédito, etc. É um dos melhores aplicativos de banco que já vi. BEM melhor que o site deles pra internet banking, que apesar de ser simplão, é bem completo.
  • Quem é funcionário IBM não paga taxa nenhuma pela conta mais completa deles, pelo tempo que você for funcionário. E se você indicar duas pessoas pra abrir conta lá, não paga taxa nenhuma nunca mais na sua vida, mesmo que você saia da IBM (Pra deixar claro: eu e o Lucas já temos nossas duas indicações cada faz tempo então esse post realmente é livre de qualquer benefício próprio).
  • Você pode ter, dentro da sua conta, sub-contas com moedas de outros países. Por exemplo: euros, libras, dólares. Se você quiser depositar dinheiro em alguma dessas moedas, ele fica lá na sua conta naquela moeda, sem fazer conversão nenhuma. Você pode também brincar e transferir fundos pra lá e pra cá nessas sub-contas, mas aí você se sujeita a taxa de conversão do banco naquele dia.
  • Você pode também sacar dinheiro local em qualquer lugar do mundo sem pagar taxa alguma, somente a taxa de conversão do banco.
  • Você pode usar qualquer caixa eletrônico, de qualquer banco, quantas vezes por mês quiser, em qualquer país, sem pagar taxas por isso. E todos os caixas eletrônicos na Europa tem a opção “Inglês” pra você movimentar com tranquilidade.

Eu acho tudo isso muito legal e útil.

Abrimos a nossa conta na agência que fica dentro de um Supermercado chamado Globus. É meio longe do centro, mas fácil de chegar saindo da IBM. Super recomendo a nossa gerente de conta, a Martina Feldova: fala Inglês, arranha Português (entende muito bem!) e é uma simpatia! Quem quiser o contato dela é só me perguntar que eu passo com muito gosto. E sempre que precisamos ir até a agência por algum motivo, aproveitamos pra comprar carnes no Globus que é o lugar mais em conta e de qualidade que achei por enquanto 😉

*UPDATE: A Martina Feldova saiu da agência do Globus, ela está numa agência perto da IBM agora, para nossa alegria! 🙂 

Algumas curiosidades envolvendo dinheiro aqui:

– A maioria dos bares e restaurantes não aceita cartão. Tenho notado que isso vem diminuindo bastante, mas mesmo assim direto estamos em algum lugar comendo e percebemos que esquecemos de sacar dinheiro! Carregue sempre dinheiro em espécie com você!

– Quando você compra algum produto, na nota fiscal vem detalhando o quanto de impostos você pagou naquela compra. O preço que você vê nas prateleiras já é o preço final mas na nota tem o descritivo do que foi produto e o que foi imposto (ao contrário dos EUA e Canadá onde o valor ainda é acrescido de impostos no caixa).

– Não tem centavos aqui, como eu falei lá na foto das moedas. Mas os preços às vezes podem somar a 130,42 por exemplo. Nesse caso, se você pagar com cartão, o valor exato será debitado. Se for pagar com dindin, eles arrendondam o valor. Nesse caso aí de cima, você pagaria 130 coroas.

– O valor das moedas é alto, então se você é daqueles que acumula moedas na carteira, vale a pena não ignorar achando que é troco de pinga porque você pode ter 500 coroas em moeda facilmente. Dá pra ir jantar fora 😉 Ou comprar o passe de busão do mês!

– 1 euro = 27 coroas

Bom, é isso. Se eu lembrar de mais alguma coisa eu volto aqui e escrevo. E se tiverem dúvidas, é só deixar um comentário 🙂

 

Até a próxima!

 

 

 

 

 

Anúncios

Ah, as Coroas Tchecas!

Não, não me refiro à senhoras de idades nascidas aqui.
Tô falando de dinheiro, bufunfa, cascalho. Hoje tivemos a prova de que o dinheiro por aqui vai render bem.

Vamos começar com uma enquete: Quanto vocês acham que eu gastei na compra dos ítens dessa foto???? Façam suas apostas, responderei no próximo post. Note que no meio dos ítens tem: 1 jogo de 3 panelas, 4 toalhas (2 grandes, 2 de rosto), 2 travesseiros, 1 aparelho de jantar 12 peças, 1 jogo de seis copos, 1 jogo de potinhos de banheiro (de colocar escova de dentes e tal), e coisas miúdas de cozinha, como abridores de lata, rodo de pia, potinhos de condimentos, vaso com planta, bowls (2 de vidro, 1 de inox) e até pantufas, entre outras coisas…

Quantas Dilmas vocês acham que gastamos aqui?

Quantas Dilmas vocês acham que gastamos aqui?

image (3)

As Coroas Tchecas são a moeda corrente daqui. Uma Coroa equivale à mais ou menos 10 centavos de Real. É uma conta de mais ou menos 10 vezes mais. Então você pode sair pra jantar e gastar 800 coroas, ou pagar 20 coroas em uma passagem de ônibus.

Até agora as coisas que nós compramos foram mais baratas que no Brasil (mas já me falaram que tem coisas mais caras, por exemplo, o litro da gasolina e carnes em geral).

A experiência mais barata que tive até hoje foi: duas garrafas d’água dessas de 500ml + duas mini baguetes de queijo por 20 coroas. Isso mesmo, 2 reais. Nem UMA garrafa d’água no Brasil custa isso. Foi a água mais barata que já paguei na vida.

Yes!

Yes!

Outro exemplo, desodorante Rexona, que no Brasil custa entre 10 e 13 reais, aqui custou 44 coroas (aproximadamente 4 reais). O spray para os pés que o Lucas usa bastante, no Brasil pagávamos 15 reais, aqui achamos por 50 coroas. Enfim, no geral as coisas são bem mais baratas que no Brasil (o que, convenhamos, não é muito difícil de acontecer).

E aí hoje fomos comprar algumas coisas pra casa. O apartamento veio mobiliado, então não faltava muito. Mas aproveitamos a carona do irmão da Silvie (de quem eu falei aqui) que nos levou até a Ikea e compramos algumas coisas.

Pra quem não conhece, a IKEA é uma rede sueca de lojas de móveis e utensílios domésticos. É bem conhecida mundialmente pelos seus produtos baratos e de design bonitinho. É tipo a Etna, mas de pobre. Heheheh. A Etna vende absolutamente as mesmas coisas que a Ikea, é o mesmo estilo de loja (daqueles que você entra e vai passando pelos departamentos seguindo setinhas no chão), só que a Ikea tem os preços muito melhores. Tem Ikea no Canadá, mas eu só tinha ido pra olhar, bem rápido. Hoje passamos a tarde inteira lá – tem restaurante dentro da loja, pra você fazer uma pausa nas compras tranquilamente – e a compra rendeu muito bem, como vocês viram na foto anterior e podem ver nessas fotos também:

Cabides: 4 unidades por 9 coroas (90 centavos).

Cabides: 4 unidades por 9 coroas (90 centavos).

Lâmpada de chão: 299 coroas (29 reais)

Lâmpada de chão: 299 coroas (29 reais)

Lustres legais: 69 reais

Lustres legais: 69 reais

Lustre lindão. Uma amiga chegou a fazer esse lustre, artesanalmente mesmo, porque no Brasil custava mais de 200 reais.

Lustre lindão. Uma amiga chegou a fazer esse lustre, artesanalmente mesmo, porque no Brasil custava mais de 200 reais.

Olha o preço dele! 60 reais

Olha o preço dele! 60 reais

Aqui os cobertores são diferentes. Primeiro que, numa cama de casal, cada um tem o seu (finalmente alguém que me entende!). Segundo, você compra um tipo de manta (não muito grossa), e compra uma capa pra essa manta e isso é seu cobertor.

Aqui os cobertores são diferentes. Primeiro que, numa cama de casal, cada um tem o seu (finalmente alguém que me entende!). Segundo, você compra um tipo de manta (não muito grossa), e compra uma capa pra essa manta e isso é seu cobertor.

É uma idéia genial, porque você não precisa ficar lavando o edredon inteiro, somente a capa dele. E você pode ter várias capas e mudar de acordo com seu humor (!). E quando precisar lavar o edredon, ele é apenas uma manta leve, e não vai pesar 307 kilos na sua máquina. Show!

É uma idéia genial, porque você não precisa ficar lavando o edredon inteiro, somente a capa dele. E você pode ter várias capas e mudar de acordo com seu humor (!). E quando precisar lavar o edredon, ele é apenas uma manta leve, e não vai pesar 307 kilos na sua máquina. Show!

Passamos um certo tempo nesse departamento. Lucas até dormiu, e com outra ainda por cima! kkkk

Passamos um certo tempo nesse departamento. Lucas até dormiu, e com outra ainda por cima! kkkk

Mas o mais legal foi conhecer os pais e o irmão da Silvie. São muito especiais, nos receberam muito bem e nos ajudaram bastante hoje. Só o irmão dela fala Inglês, mas ele não estava muito preocupado em traduzir os pais, então tivemos que nos virar com gestos, desenhos, e com o Francês basicão que tirei do fundo do baú pra tentar falar com a mãe dela que também só arranha a língua. E mesmo assim conseguimos nos comunicar super bem. Foi engraçado mas foi super legal!

Fomos recebidos com flores (em um número ímpar, que é para ocasiões felizes – número par é para funerais!), e vinho. E na Ikea ela comprou essa pelúcia de bola 8, que é o número do nosso prédio aqui! Morri, de tanta fofura!

image (1)

E à noite, mesmo cansados, fomos encontrar um grupo de Brasileiros que conhecemos essa semana, um grupo pequeno mas muito legal!

Foi um sábado legal e se não estiver chovendo, o domingo vai ser também! Até o próximo post…