Apps básicos e essenciais (e um site)

Bom dia pessoal,

Vou parecer muito velha falando isso, mas, considerando que eu vi a internet nascer e o telefone celular aparecer (grande, pequeno, grande), posso dizer com certa propriedade que ter um smartphone com conexão 4G 24 horas por dia é sensacional e, no meu caso, essencial pra minha sobrevivência nesse planeta. Sou dessas viciadinhas em celular. Não largo o meu pra nada. É a primeira e última coisa que eu vejo todos os dias. Eu desço com o celular pra buscar a pizza na porta do prédio. Sou dessas. Me julguem.

Quando eu ganhar na loteria, vou investir parte do meu dinheiro em desenvolvedores de aplicativos pra facilitar a nossa vida cada vez mais. Espero poder viver na época em que faremos tudo pelo celular, independentemente, sem barreira de idiomas ou localização física. Ah, tecnologia, como eu te amo.

É com isso em mente que apresento à vocês alguns aplicativos bastante úteis pra sua nova vida aqui em Brno. Mesmo que você esteja só de passagem, vale a pena baixá-los temporariamente. Eles são nove, e um site.

1. MHDapp (IOS) / MHDroid (Android)  

mhdapp

O mais útil de todos, na minha humilde opinião, é o aplicativo do DPMB, que é a empresa de transportes da cidade. Nesse aplicativo você consegue ver qual a rota de ponto A a B, tempo de viagem e preço.

Acima,  à esquerda: a busca da estação perto da minha casa para a estação da IBM.
À direita, o resultado: Intervalos, qual tram preciso pegar, distância, tempo, preço, e horário de chegada. Tem tudo.

Você precisa saber de qual estação você vai partir e qual a estação de destino. Pra saber isso, você pode olhar no Google Maps ou consultar a placa que fica em cada estação, ela tem o nome no topo. O aplicativo te mostra qual ônibus ou tram tomar, mas o sentido você precisa saber ou consultar na mesma placa que acabei de falar. Falei com detalhes disso aqui nesse post.

Esse aplicativo é perfeito pra você saber que horas exatamente o tram vai passar pra você se programar com exatidão a hora que pretende chegar a algum lugar. Especialmente em dias frios, quando não é muito legal ficar à toa esperando.

     2. PUBTRAN (só para Android)

pubtran

O Pubtran é bem parecido com o MHD, mas como ele usa informações do Google, tem alguns extras muito bons.

Além de você conseguir ver a rota, o tempo e tudo mais,  você vê também todas as estações daquela linha e qual o sentido você está indo:


Dá também pra ver, no mapa, todos os trans e ônibus que estão circulando naquele momento:

 

     3. SMS Jízdenky

sms
Esse é para compra de bilhetes de transporte por SMS. Você precisa ter habilitado o pacote de SMS’s especiais com a sua operadora pra isso funcionar.
Você seleciona qual o bilhete precisa, o SMS é enviado e volta com seu bilhete. Se o fiscal pedir, é só mostrar a ele a tela do seu celular.

dpmb1

   4. eKonto

ekonto

Se você abriu sua conta no Reifeissen Bank como eu indiquei aqui, você já vai sair do banco com o aplicativo instalado e funcionando. Esse app ganhou prêmios e mais prêmios de melhor app de banco do país, e é realmente sensacional. Ele é infinitamente melhor do que o site do internet banking. Nele, você faz de tudo: transferências, pagamentos, consultas na sua conta e em cartões de crédito etc. Dá pra você criar templates de recipientes pra facilitar a vida e não precisar ficar repetindo a mesma informação sempre. É assim que pagamos nosso aluguel, por exemplo, todos os meses. A transferência entre contas do RB cai na mesma hora. Palmas.

  5. City Taxi Brno

city taxi
Esse é um dos meus queridinhos e faz parte da categoria “apps e sites que me possibilitam solicitar o que eu quero sem qualquer contato humano, principalmente se o contato precisar ser em Tcheco”.

Você se cadastra (ou não, é opcional) e solicita táxis dessa companhia: ele já pega sua atual localização (se você deixar), aí você coloca o endereço de destino, ele calcula a corrida (!), você faz alguma solicitação especial (como pagamento em cartão, ou cadeirinha de criança, ou um carro grande), e voilà, ele te envia um SMS confirmando o pedido e a previsão de chegada do carro (com detalhes como a cor, modelo e placa). E o mais legal: você pode acompanhar pelo mapa do aplicativo onde está o carro que você solicitou até o momento que ele chega até você. E tudo em Inglês.


Não é um Uber, que ainda não chegou à Brno (só tem na capitarrr), mas é bem bom. Carros bacanas e limpos, com Wi-Fi, pagamento com cartão em todos (se não me engano), e motoristas menos carrancudos que o normal. Alguns motoristas até falam Inglês! Olha só que beleza. De nada.

   6. My Vodafone

vodafone
Se você vem pra trabalhar na IBM, vale a pena ter um número da Vodafone, porque depois que você completar seus três meses de experiência, pode usufruir de um convênio bacana que a IBM tem com eles. Então o app da Vodafone entrou pra minha lista, pois nele você consegue ver seu plano, alterar coisas nele, consultar e analisar seu consumo de dados etc.

  7. Jízdenky (Student Agency) / Tickets

student agency
A Student Agency é uma agência de viagens Tcheca muito grande e famosa. Seus ônibus amarelos circulam pelo país todo e também por vários países da Europa. Apesar do nome, é uma agência que é para todos. Acredito que o nome seja porque os preços são para estudantes, porque são realmente muito bons. Pra quem chega dos aeroportos de Praga ou Viena, o melhor jeito pra vir até Brno é de ônibus deles porque saem diretamente dos aeroportos, sem você precisar se locomover até o centro das cidades pra pegar trem.


Os ônibus são confortáveis, têm TVzinha individual nos assentos com filmes e séries, Wi-Fi dentro da República Tcheca, e serviço de bordo com cafés e outras bebidas. Pra quem está chegando de mudança com muitas malas grandes, eles cobram uma pequena taxa de 10 coroas por mala (R$1,60). O preço de um trecho Praga (Aeroporto) – Brno, por exemplo, pode sair por 165 coroas se você for cadastrado no site deles, ou um pouco a mais se você não for, mas não passa de 200 coroas. Pra Viena é mais ou menos o mesmo preço por trecho, mas eles tem destinos para várias cidades, tipo Paris, Roma etc.
Quando viajo para Praga ou Viena, prefiro ir de trem pois é mais confortável e espaçoso (falei um pouquinho disso aqui), mas os ônibus da Student Agency são as melhores opções pra quem sai dos aeroportos. Dá pra comprar online pelo site deles (www.student-agency.eu_) e também pelo aplicativo. Super recomendo!

  8. Google Translate !

googletranslate
Acho que não tem nenhuma lista de sobrevivência ou vivência básica em qualquer lugar hoje em dia em que o Google não apareça de alguma forma! Aqui está nosso melhor amigo de todos. Ele vai te ajudar em restaurantes, lojas, supermercados etc etc etc. É fundamental pra quem não fala Tcheco (levanta a mão!).

9. SalaryCalc ou Calculation of Net Earnings (só para Android).

calculation-of-net-earnings-016363-w192

Esse é bastante útil pra quando você precisa ver qual vai ser seu salário líquido. Não é usado com frequência, mas ajuda bastante quem está chegando e/ou procurando emprego.

10. Um site: Dáme Jídlo

www.damejidlo.cz

damejidlo

Dame Jídlo significa algo como “Nossa Comida”. Não tem como eu não gostar de um site com esse nome 😀

É um site para entrega de comidas. Eles têm vários restaurantes cadastrados, você faz o pedido pelo site, eles retiram no restaurante e entregam pra você (na porta do seu prédio, e não na porta do seu apartamento). Você pode pagar online – com cartão, ou na entrega – em dinheiro. Tem uma variedade de restaurantes muito boa e preços excelentes. Bem, os preços são os normais da cidade 🙂

Tem o app deles também, mas só em Tcheco. Já o site tem versão em Inglês.

Uma dica: se você está com fome tarde da noite, o único lugar que eu sei que entrega é o Pizza Pappi, que dá pra pedir pelo Dame Jidlo ou direto no site deles (pizzapappi.cz). Todos os dias das 10h às 2h. É pizza normal Tcheca-“Italiana”. Pizza igual as do Brasil não tem, sinto muito.

 

É isso, espero que tenham gostado e que façam bom proveito dessa maravilha que é a tecnologia (olha eu parecendo que tenho 63 anos de novo).

Na shledanou!

 

Anúncios

Dia Sem Carro

Ontem mesmo comentava com um amigo sobre o dia em que São Paulo tinha mais de 1000km de congestionamento. Mais de mil. Foi na sexta-feira anterior ao feriado da Independência. Chovia.

Se todos os carros parados no trânsito fossem alinhados, a fila chegaria em Goiânea. Já pensou?

O trânsito em São Paulo é coisa de louco. Eu morava em Barueri e uma época trabalhei em São Bernardo do Campo. Eu atravessava Sampa praticamente de cabo a rabo, em sentido vertical. Se eu saísse 10 minutos atrasada, ficava horas parada. Horas do meu dia dentro do carro parada no trânsito. Muito desperdício de tempo.

Bem, do trânsito de São Paulo todos sabem.

Aqui em Brno eu ainda não dirigi. O Lucas já. Mas não consegui tirar muitas conclusões sobre o trânsito. Eu tento reparar quando estou no bonde mas o máximo que vi foi fila de carros parados no semáforo. Em horários de pico, a fila fica maior e talvez alguns fiquem esperando mais tempo. Um dia fomos de carro até Praga, saímos por volta das 8h e notamos um pouco de trânsito na saída da cidade.

Apesar de Brno não ser uma cidade para carros, há muitos veículos circulando. Parar carro na região central é quase impossível. Não tem estacionamentos e nem lugar na rua – os que existem estão sempre ocupados.

Na IBM tem um estacionamento grande e pelo que ouvi falar é bem difícil conseguir alugar uma vaga pois tem fila de espera.

Apesar de o transporte público ser excelente ainda há muitas pessoas que preferem o conforto do carro. Nós estamos há um ano sem e só sentimos falta na hora de levar o Charlie ao veterinário. Pensamos em comprar um carro eventualmente pra esse tipo de situação, mas para o dia-a-dia não compensa. Não só pela questão do espaço mas também porque a gasolina é cara. Bem cara, por sinal. Mais de 30 coroas o litro. Comparando com o Brasil até deve sair igual, ou mais barata, levando-se em consideração que a gasolina aqui é só gasolina mesmo, sem mistura de álcool nela. Mas mesmo assim é cara pros padrões daqui.

Hoje cheguei na IBM e me deparei com a campanha “Car Free Day”. É uma campanha mundial que acontece no dia 22 de Setembro.

Logo na entrada estavam perguntando pras pessoas que chegavam se elas tinham vindo trabalhar de carro ou transporte público. As que não vieram de carro ganhavam uma pulseirinha que dava direito a um café de graça e também o direito de participar de um sorteio.


Quem adivinhar corretamente quantos lugares vazios tinham no estacionamento às 10h de hoje, ganha um passe de três meses de transporte público.

Não sei nem quantos carros o estacionamento comporta, que dirá tentar adivinhar quantos carros não vieram hoje. Mas vou tentar!

E aqueles que vieram de carro ganharam um cabide (!) com um papel escrito “put it away”.

Achei bacana a iniciativa. Não mudei minha rotina e ainda ganhei um café. 🙂

Pra mim todo dia é car-free day e acho isso muito bom. Posso ler no caminho até o trabalho (apesar de minha locomoção durar 10 minutos somente) e sempre chego no horário. Mas o mais importante é que vivo uma stress-free life. E o planeta agradece!

E você? Quanto tempo leva na locomoção até o trabalho?

Até a próxima!